27.8.11

uma linha..


Vês? É uma linha que nos vai separar. "É só?!" Devias estar a perguntar-me tu, ou a perguntar-te a ti próprio. Eu sei, eu sei que é muito mais do que parece, mas temos de pensar positivo e é isso que tenho tentado fazer. Acredita que as horas pelas quais tenho passado não têm sido as mais fáceis, e é com uma lágrima a cair-me pelo rosto que desta vez escrevo sobre ti. Não por estar magoada/triste/desiludida ou outro qualquer sentimento negativo pela tua pessoa, apenas e eu sei que sabes.. custa-me! Custa-me ver-te partir assim, para longe de mim e dos teus, custa-me saber que não me posso despedir de ti como deve ser e custa-me ainda mais saber que cortámos a raiz de tudo o que tínhamos plantado até então. Mas eu aceito, aliás tenho aprendido a saber conjugar esse verbo para tentar aliviar o meu coração que está tão pequenino que nem uma ervilha. Tu és diferente, tu és especial, tu mereces tudo de bom que a vida tiver para te dar, e eu acredito que o destino encarregou-se de pôr no teu caminho esta viagem, ele lá tem os seus motivos e quero crer que quando voltares, virás um homem feito e ainda mais perfeito, quem sabe com a vida feita também. Não pares de sorrir, não pares de ser feliz, eu peço-te. Eu que vou ficar aqui a recordar cada segundo vivido com a tua presença, com tudo o que me deste, e prometo não te esquecer, prometo rezar por ti e para que tudo corra bem. Sei que és forte e que nada te irá conseguir deter, nada nem ninguém. És um orgulho, o meu orgulho. Meu gigante, não entendas isto como um adeus, não gosto nem o iria conseguir pronunciá-lo perante ti, e então logo a ti. Boa sorte meu amor e aproveita bem, eu por cá farei os possíveis para conseguir acordar todos os dias com menos dor em mim. Lembra-te, nem toda a distância é ausência, podes ter a certeza. Estarás sempre bem presente em mim! Que mais poderei eu dizer se há apenas uma coisa que me conforta? Amo-te, até já*

26 comentários:

  1. Também acho que sim...
    ora, de nada!

    ResponderEliminar
  2. Por acaso ainda não o li minha querida, mas podes pesquisar no google a opinião de leitores que já tenham lido o livro para teres uma primeira impressão se vale ou não a pena comprares o livro .

    ResponderEliminar
  3. desculpa, mas adorei. encantou-me mesmo! é mesmo mesmo veridico?

    ResponderEliminar
  4. adorei mesmo este texto, achei que estava mesmo muito bom porque imaginei mesmo alguém a dizer isto a outra pessoa! acho que tens realmente uma noção perfeita do que dizer aos outros para os reconfortar e apoiar.
    continua com textos destes!

    ResponderEliminar
  5. Gostei mesmo muito do que li.
    Muita força para ti.

    ResponderEliminar
  6. Por caso adoro a escrita dela :)
    Eu para além destes ainda tenho mais alguns que quero comprar :D

    ResponderEliminar
  7. É mesmo, mas aos poucos vai-se comprando :)

    ResponderEliminar
  8. percebo tão bem o que sentes, nem imaginas. eu também vou ter de deixar o pais, e deixar cá tudo o que me é querido, incluindo uma pessoa que amo...

    ResponderEliminar
  9. como estas a encarar isto?
    de férias, claro. mas provavelmente, para o ano volto definitivamente

    ResponderEliminar
  10. gostei muito, estou a seguir :)

    força mafalda !

    ResponderEliminar
  11. ah sim, eu percebi que era para uma pessoa, mas consegui imaginar perfeitamente alguém a usar as exactas mesmas palavras numa conversa cara a cara, e penso que nem sempre a pessoa que faz um texto consegue captar isso, mesmo que o texto esteja realmente bom (ok, secalhar tenho uma teoria um bocado parva -.-). Pois, pelo texto compreendi que era para uma pessoa que se ia embora e lamento saber isso, mas, tal como tu disseste, o destino encarregou-se de fazer isso, por isso também penso que, em breve, se encarregará de trazer melhores notícias, hm?

    beijinho,
    MBH

    ResponderEliminar
  12. Força querida vais ver que ele um dia vai voltar e voces podem continaur o que suspenderam (:

    ResponderEliminar
  13. acredito querida* assim, podias ir ter com ele sempre, até entrar pela janela e ficares la a vê-lo dormir até ao amanhecer :s

    ResponderEliminar
  14. Tres anos que se vão passar a correr (:
    Desculpa a pergunta, mas porque é que se vai mudar?

    ResponderEliminar