1.9.11


Tumblr_lhw9tjxieq1qfcs2wo1_500_large
Lá fora está a trovejar e parece que o meu coração se assemelha ao tempo. Dói-me tudo e não me dói nada. Sinto o meu órgão vital a chorar. Pára! Acorda, seu estúpido! Ainda ontem disse que devíamos ter a capacidade de nos desprendermos e tu agora estás assim, coração? Oh, vá lá. Aguenta firme.
Acho que nunca te disse isto mas.. tu, meu gigante, foste a melhor coisa que me aconteceu este verão. Só pelo simples facto de teres aparecido na minha vida, assim como uma flecha. E novamente, meu gigante, ao contrário de ti não tenho tudo dito. Mas também acho que já não vale a pena falar a quem não me quer ouvir. Sei que sabes como me sinto, sei que sabes o caos em que estou metida e pior de tudo, sei que sabes que ainda te amo. Sei que sabes que o tempo não cura tudo, mas é dele que agora preciso. Preciso para me mentalizar de que teve de ser assim, para perceber que foi o melhor (para ti). Fica sempre imenso por dizer mas por agora é tudo. Até um dia meu amor. Até 2014 minha felicidade.

18 comentários:

  1. se quiseres que to dê é só mandares-me o teu mail que eu explico-te!

    ResponderEliminar
  2. Não deixes nada por dizer querida (:

    ResponderEliminar
  3. Eu sei que sim, por isso tens de te esforçar. E se não ouvir escreve!

    ResponderEliminar
  4. que difícil é enfrentar estes momentos *
    força !

    ResponderEliminar
  5. Muito obrigada! Resultou mesmo e consigo, finalmente, responder aos comentários! :)
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  6. Sim é! :) é muito bom mesmo, mas sim, podia ser um bocadinho mais barato!

    ResponderEliminar
  7. Gostei do teu post :)
    tens um blog simples e bonito* sigo :)

    ResponderEliminar
  8. Gostei do teu blogue, ótima escrita o: sou tua seguidora já.

    ResponderEliminar