4.11.11

314421_274212005933262_100000333931790_923679_347639023_n%25255b1%25255d_large
9i67tw_large
Hoje dei por mim a reparar na maneira tão veloz com que o tempo muda. Ora entra uma luz pela casa adentro e o sol parece querer raiar, ora tudo se transforma em cinzento e a chuva dá de si. Ao encontro deste pensamento vieram outros. Tal como o tempo, a nossa vida também muda rapidamente. Tão rapidamente até que, por vezes, não nos apercebemos. Ou fingimos não nos aperceber. Da mesma maneira em que, num minuto, nos identificamos como a pessoa mais feliz do mundo, no outro podemos já ter mudado de opinião e sentirmos-nos como lixo. Eu acredito que tudo o que nos acontece, traz uma lição nova e que ao errarmos, crescemos. E mais, acredito que é o destino que envia tudo isso para a nossa vida tal como é ele quem se encarrega de comandá-la. Existe uma razão para tudo, porque sim, nada acontece por acaso. A vida não é um acaso. Creio que o destino está traçado, talvez não seja na palma da mão, mas está e pouco ou nada podemos fazer para o mudar. E tu, acreditas no destino? 

38 comentários:

  1. Completamente :) e nele que penso, quando estou quase a chegar ao final do poço *

    ResponderEliminar
  2. Parece-me que já estás com outra visão do mundo agora, e com o ponto de vista certo :) .
    Não sei se ainda te lembras, mas falámos muito sobre o teu ambiente aí em casa e (...) tu bem sabes ! Depois andei um pouco distante e estou a tentar voltar agora ao blog como antes !
    Gostava de ter mais novidades tuas, espero que esteja tudo a correr bem, tu mereces ! Tens a minha força, como já antes te a tentei dar através de desabafos * Beijinhos princesa.

    ResponderEliminar
  3. bem... concordo completamente com este texto, desde o inicio onde referes a forma como as coisas rapidamente mudam até ao fim, em que escreves que o destino está traçado... eu tambem acredito que tudo está escrito e dito como será feito. adorei :)

    ResponderEliminar
  4. Acredito, e muito. Não tem como não acreditar no destino.

    Bom fim de semana. (F)

    http://amar-go.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  5. ás vezes não é o que nós esperamos* mas força . beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Acredito em destino mas não que ele não pode ser mudado... por isso talvez não lhe chame destino...

    ResponderEliminar
  7. é como tudo não é ?
    o importante é arranjar forças!

    ResponderEliminar
  8. ainda bem que gostas-te , princesa * é muito importante para mim !
    Não tens que agradecer nada, e sempre que quiseres poderás vir sempre ter comigo e desabafar o que te vai na alma ! Eu só te quero bem :)
    Tenho pena que as coisas continuem mal :c , mas tu já estás com uma nova atitude e isso já é o inicio de uma nova etapa :) Vais ver que a partir de agora é sempre e melhorar ! Beijinhos, fofinha

    ResponderEliminar
  9. Obrigada princesa, a sério. "Nesta" altura preciso mesmo de força. Ele bem que tenta estragar a minha felicidade, mas não consegue.
    Ninguém consegue separar-me do Diogo, ninguém. Obrigada por tudo! <3

    ResponderEliminar
  10. Ainda bem que gostas-te eu adore o o teu texto é completamente verdade *-*
    Sigo, segues tambem o meu ? (:

    ResponderEliminar
  11. Nós, desde o principio, que sabíamos que iamos ter de contar com algumas dificuldades e foi preciso unirmo-nos de uma maneira incrivel para conseguirmos ultrapassar isto. Mas estamos a conseguir e tenho a certeza que conseguiremos sempre.
    Sim, ele é uma pessoa incrivel, sei que merece o melhor e é por isso que luto (também) <3

    ResponderEliminar
  12. E sabes, por um lado esta distância até consegue ser benéfica (em parte). A relações, diárias, perdem o encanto, porque as pessoas conhecem-se logo nos primeiros tempos e isso parece que encurta a duração das mesmas e faz com que o sentimento se vá apagando. Assim, e com esta certa distância, temos de lutar e unir tudo o que conseguimos para estarmos juntos. Não é assim tão dificil e ao mesmo tempo é reconfortante e um grande motivo de orgulho :')

    ResponderEliminar
  13. gostei do teu blog *
    vou seguir, segues o meu também ?:$

    ResponderEliminar
  14. Pois, eu tive duas relações próximas e foram as que duraram mais tempo, mas não tinham nada a ver com a minha e do Diogo. Nada mesmo.
    E já tive uma à distância, mas não foi assim. Acho que é mesmo ele que torna as coisas desta maneira. Muito próxima mas ao mesmo tempo muito liberal. Onde o sentimento comanda, mas sempre com a ideia de que temos as nossas vidas, para além da que juntos construímos.

    ResponderEliminar
  15. Tu, eu, ele, toda a gente que gosta MESMO de nós.
    Até a mãe dele $: ahah

    ResponderEliminar
  16. acreditoo!
    mais uma vez, escreveste um texto lindooo *.*

    ResponderEliminar
  17. gosto muito e sim, talvez acredite mas para isso preciso que me provem que existe ou não :b

    ResponderEliminar
  18. realmente prova, mas neste momento preciso de saber se conhecer certas pessoas é mesmo obra do destino ou não, pois só sabendo isso é que sei se vale a pena tê-las ao meu lado ou não.. mas e se não for? valerá a pena vê-las partir? não, acho que não, por isso sendo destino ou não só sei é que as quero ter comigo :)

    ResponderEliminar
  19. Então vais ver que tudo irá ficar bem ! Tu mereces, por isso :) .
    Não tens de agradecer, princesa . Muito obrigada * E sim, eu sei onde te encontrar, beijinhos !

    ResponderEliminar
  20. a minha mãe vai aprendendo a gostar. ela é como eu, não é muito fácil, mas com o tempo dá-se bem com toda a gente :)

    ResponderEliminar
  21. seguindo seu blog
    me segui tbm
    http://intensamenteamor.blogspot.com/
    bjuss

    ResponderEliminar