21.7.12

Alone-girl-light-shine-sit-favim.com-469216_large
E voltou a doer. Aquela ferida que outrora sangrava como nenhuma outra. Conheço-a e por isso sei distingui-la de outra lesão. Aliás, não encontro coisa semelhante da mesma natureza em mim. Essa dor torna-se pontiaguda quando a tua imagem surge. Na minha mente. Nos meus sonhos. E cada vez que passa, há alguma coisa diferente. Não é que eu não te conheça, mas há dias em que o teu engenho me consegue surpreender. Nem sempre pela positiva, é certo. Apesar disso e de saber que és incerto, existe algo que eu vejo sempre da mesma forma e do mesmo feitio. Oh, o sentimento. Talvez agora eu consiga compreender que é ele mesmo quem atenua o tormento quando este me leva até ao chão frio e agoniante. Chão que além de frio se torna molhado ao reunir as minhas lágrimas. Mas nem assim o arrependimento é meu amigo. Jamais. E sabes porquê? Não é de mim deitar ao padecimento o que antes me fizera tão feliz. Antes esse que eu pretendo, e quero, transportar para o futuro. Aquele em que sempre acreditámos. Sim, hoje eu sei: o verbo amar e o verbo perdoar andam sempre de mãos dadas. Tal como as nossas.

13 comentários:

  1. obrigada princesa, mas não está a ser mesmo nada fácil e parece que aos poucos e poucos todas as memórias e tudo o que estava relacionado com as mesmas se vai desvanecendo...

    ResponderEliminar
  2. Eu gostava de pedir o vosso apoio, e que votem nas minhas fotografias para que eu possa ganhar alguma coisa.

    http://www.portugalmelhordestino.pt/php_files/showFotos.php?order=Data&zone=Todas&user_name=D%E9bora+Dur%E3o&Submit.x=47&Submit.y=19&Submit=Pesquisar

    se poderes votar eu agradecia :)~
    ps: meto fotografias novas todos os dias

    ResponderEliminar
  3. "Que a cada manhã a sua coragem acorde bem juntinho de você, sorria pra você, e o convide para viverem uma história toda nova, apesar do cenário aparentemente costumeiro."

    Caio Fernando Abreu


    ...Que lindo este cantinho!!
    adorei aqui, e com certeza ficarei :)

    estou seguindo..
    retribui??

    beijos
    http://momentosdapathy.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  4. Gostamos muito do teu blog, passa pelo nosso. Seguimos (;

    ResponderEliminar
  5. andam sempre de mãos dadas mesmo, e se não andarem nenhum coração consegue viver pleno e feliz...

    adorei!:)

    ResponderEliminar
  6. nunca me senti tão abatida, eles fazem-me tanta falta :'( e de vez em quando recordo-me de certos momentos na minha infância, ate simples birras e fico com uma culpa gigante. só me apetece abraca-los!

    ResponderEliminar